Português English

Consórcio Fênix renova frota no transporte coletivo de Florianópolis

Novos veículos possuem plataforma elevatória, suspensão a ar e painel com recursos digitais

Image title

Mais cinco ônibus estão sendo incorporados à frota do Consórcio Fênix, que opera o transporte coletivo de Florianópolis. A ação faz parte do plano de renovação deste ano. “Originalmente eles substituiriam unidades desativadas em função do tempo de uso e manutenção da idade média. Contudo, um dos carros será utilizado para repor o que foi incendiado na comunidade da Vila União, Norte da Ilha, nas últimas semanas”, explica Rodolfo Guidi, coordenador técnico do Consórcio Fênix.

Com essas aquisições chega a 140 o total de ônibus adquiridos para a renovação do sistema desde o início da operação, em novembro de 2014, e a idade média é de seis anos. Cada uma das novas unidades tem 13,5 metros e a oferta de 45 lugares sentados e 41 em pé - atendendo diversas linhas de Florianópolis -, além de plataforma elevatória, compondo o índice de 70% da frota com este equipamento.

O chassi é Mercedes Benz modelo 1721L, carroceria Marcopolo, motor Euro 5, possuem com suspensão a ar em todos os eixos, computador de bordo e novo sistema de telemetria. O painel dispõe de recursos digitais de informação ao motorista, antes só disponíveis nos equipamentos maiores da marca e de outras linhas de produtos. A carroceria é a Marcopolo Torino G7 e, como definido pelo Consórcio, todos os bancos são estofados com encosto alto, e a planta baixa prioriza o máximo de lugares sentados possíveis, bem como renovadores de ar no salão, para redução da temperatura ambiente. As unidades já constam com sistema de rastreamento e terão instaladas também o sistema de vídeo-vigilância embarcada, para segurança de passageiros e colaboradores.

A operação é realizada com aproximadamente 450 veículos no transporte convencional e 80 no Executivo; em oito mil partidas por dia útil em 186 linhas. Mensalmente são transportados mais de 5,4 milhões de passageiros e percorridos 3,2 milhões de quilômetros. Para o desenvolvimento de toda essa operação, são 2,1 mil funcionários envolvidos diretamente, além de outras centenas de trabalhadores nas garagens, na manutenção e no administrativo das empresas, totalizando cerca de 2.750 pessoas.