Tarifa Convencional: Dinheiro R$4,25 / Cartão R$4,18 | Tarifa Executivo: Urbana R$7,50 / Distrital R$ 10,00

Manuais e informações que você precisa saber sobre cada cartão

Qualquer outra dúvida, entre em contato com a gente.

Vale-TransporteEstudante
Especial

Manual do Cartão Vale-Transporte

- Mantenha na lista de funcionários apenas os colaboradores que estejam ativos na empresa, recolhendo os cartões e bloqueando todos que forem rescindidos - evitando contratempos na hora de fazer o pedido pela internet;

- Mantenha a lista de “Autorizados” sempre atualizada no site;

- Mantenha atualizados os telefones e e-mails cadastrados;

- A forma de pagamento preferencial do VT é via boleto bancário gerado a partir do site. Desta forma os créditos são carregados diretamente nos cartões dos funcionários dentro do ônibus por meio da opção “Recarga Embarcada”.

- O recibo da compra fica disponível online, em nosso site, no período de 30 dias, após será cobrado emissão de segunda via de recibo o valor de R$ 2,00;

- Contrate o serviço “Acompanhamento de Saldo”. Com ele você pode equilibrar as compras mensais e evitar o retorno de recargas.


IMPORTANTE:

O cartão VT é entregue ao cliente Empresa em regime de COMODATO, ou seja, deverá ser devolvido em bom estado sempre que deixar de ser utilizado. Em caso de perda ou dano causado pelo portador, a próxima via do cartão será liberada somente após o ressarcimento no valor de R$ 13,20.


O bloqueio pode ser solicitado pela Empresa por e-mail, pessoalmente ou por telefone.


- E-mail: envie a solicitação para bloqueio@passerapido.com.br, tendo como remetente um e-mail de domínio da Empresa ou de um dos e-mails cadastrados no Passe Rápido. Informe na mensagem o número do cartão, nome do funcionário cadastrado e motivo do bloqueio.

- Pessoalmente: um representante da Empresa deve ir no Setor de Pós-Venda do Passe Rápido localizado no TICEN, com apresentação do RG.

- Telefone: entre em contato pelo número (48) 3251-4114 e informe o número do cartão, nome completo, data de nascimento e RG do titular.


IMPORTANTE:

O bloqueio, quando solicitado de segunda a sexta, entre 8h e 18h, se efetiva à meia-noite. Nos finais de semana e feriados não ocorre bloqueio de cartões.

O desbloqueio pode ser solicitado pela Empresa por e-mail ou pessoalmente com ofício:


- E-mail: envie a solicitação para desbloqueio@passerapido.com.br, tendo como remetente um e-mail de domínio da Empresa ou de um dos e-mails cadastrados no Passe Rápido.

- Pessoalmente: fornecer um Ofício ao funcionário (em papel timbrado, datado, assinado e com carimbo do CNPJ da Empresa) – constando nome completo e RG da pessoa autorizada, número do cartão VT e nome do funcionário cadastrado (o documento terá validade por trinta dias). A pessoa autorizada deverá comparecer no Setor de Pós-Venda do Passe Rápido localizado no TICEN, com RG e o referido cartão, que será re-preparado para utilização a partir do dia seguinte. Atenção: a apresentação do cartão no mesmo dia, ainda que para simples verificação de saldo, implica em novo bloqueio automático e necessidade de um novo processo de desbloqueio.

IMPORTANTE:

Caso o contato seja por e-mail, o funcionário deverá comunicar o fato ao atendente no Setor de Pós-Venda para dar continuidade ao procedimento.

A segunda via pode ser solicitada por e-mail ou pessoalmente com ofício:


- E-mail: envie a solicitação para segundavia@passerapido.com.br tendo como remetente um e-mail de domínio da Empresa ou de um dos e-mails cadastrados no Passe Rápido. Atenção: ao fazer a solicitação por e-mail, orientar o funcionário sobre os dados que deverão ser informados para o atendente no Setor de Pós-Venda.

- Pessoalmente: fornecer um Ofício ao funcionário (em papel timbrado, datado, assinado e com o carimbo do CNPJ da Empresa) constando o nome completo e RG da pessoa autorizada, número do cartão e nome do funcionário cadastrado (o documento terá validade por trinta dias).


IMPORTANTE:

(1) O saldo do cartão será transferido, automaticamente, para o novo cartão, que poderá ser retirado a partir das 12 horas do dia útil subseqüente ao do bloqueio, no Setor de Pós-Venda do Passe Rápido do TICEN (com a autorização e apresentação do RG original).

(2) Valor cobrado para 2ª via de cartão eletrônico: R$ 13,20 (cartão danificado, extraviado ou roubado). Atenção: para emitir a segunda via, o cartão deverá ser bloqueado, conforme especificado no item “Bloqueio de cartão VT”.

Se tiver saldo no cartão Vale-Transporte e o ex-funcionário quiser retirá-lo, poderá fazê-lo apenas com autorização da Empresa – se esta assim o permitir. Para isso, é necessário que o ex-funcionário compareça no Setor de Pós-Venda do Passe Rápido com os seguintes documentos:


  • Ofício (em papel timbrado, datado, assinado com firma reconhecida da mesma pessoa que assinou a baixa da carteira profissional e com carimbo do CNPJ da Empresa) – constando nome completo e RG da pessoa autorizada, número do cartão VT e nome do funcionário/estagiário cadastrado (obrigatoriamente, o mesmo autorizado), para cancelar o cartão, retirando o saldo remanescente por motivo de rescisão de contrato de trabalho (único motivo que permite este cancelamento). A autorização terá validade por trinta dias conforme data do ofício.

  • A carteira de trabalho devidamente preenchida com o desligamento da empresa.

  • O cartão VT em perfeitas condições de uso.

  • Cópia da rescisão de contrato de trabalho (no caso de estagiário, cópia do contrato com data de término do mesmo), datada, assinada com firma reconhecida da mesma pessoa que assinou a baixa do contrato e com carimbo do CNPJ da Empresa (ou órgão responsável pelo estágio, como por exemplo, estagiários por meio do CIEE, cujo contrato está vinculado ao mesmo).

  • Xerox (frente e verso) do RG. Atenção: o cartão será apagado, ficando totalmente desvinculado da Empresa.

  • Quando o cartão pertencer a uma Empresa Terceirizada o ofício deverá ser feita pela Empresa a qual o cartão esta vinculado, seguindo todos os requisitos do item " ofício ", o mesmo deverá estar assinado por uma das pessoas autorizadas no sistema da Empresa cadastrada no SETUF.


IMPORTANTE:
  1. O ex-funcionário pode optar pela retirada do saldo em dinheiro, mediante retenção de 5% (cinco por cento) do valor do saldo, conforme autorizado pelo art. 36 do Decreto Municipal nº 1968, de 04/08/2003. Caso o ex-funcionário prefira transferir o saldo total para um cartão Cidadão, cadastrado em seu nome, não sofrerá desconto de 5% (cinco por cento).

  2. A transferência para um cartão Cidadão será liberada no dia útil seguinte à solicitação e entrega de toda documentação exigida, no SETUF/Passe Rápido.

  3. O saque em dinheiro será liberado conforme agendamento, se possível no dia útil seguinte à solicitação no SETUF/Passe Rápido, condicionado ao limite de 10 (dez) atendimentos por dia e disponibilidade de recursos para pagamento no momento do saque, sempre após às 12h de cada dia. Não havendo disponibilidade financeira no dia agendado, será agendada nova data para a restituição solicitada.

Se tiver saldo no cartão Vale-Transporte de ex-funcionário, a empresa poderá pedir o cancelamento do cartão para permanência do saldo na Bolsa da Empresa junto ao Passe Rápido, podendo utilizá-lo, posteriormente, para quitação parcial ou total de novos pedidos de VT (somente em meio eletrônico).


Para que este valor seja transferido para a referida Bolsa da Empresa é necessário:

- Devolver o cartão em perfeitas condições de uso;

- Entregar um Ofício (em papel timbrado, datado, assinado e com carimbo do CNPJ da Empresa), solicitando o cancelamento do cartão. Necessário constar nome e RG da pessoa autorizada, bem como listar os cartões devolvidos.


Para utilização posterior do saldo, basta gerar um novo pedido eletrônico e enviar por e-mail informando código da empresa, nº do protocolo gerado e autorizando que seja quitado com saldo de bolsa, para habilitar@passerapido.com.br até às 16 horas, possibilitando a liberação da recarga a partir do dia seguinte.

Cadastro de cartões novos e alteração de cadastro das empresas

cadastro@passerapido.com.br / (48) 3251-4120


Segunda via de cartões

segundavia@passerapido.com.br (48) 3251-4114


Bloqueio de cartões

bloqueio@passerapido.com.br / (48) 3251-4114


Desbloqueio de cartões

desbloqueio@passerapido.com.br (48) 3251-4114


Tesouraria

tesouraria@passerapido.com.br (48) 3251-4115


Saldo de bolsa e recargas

habilitar@passerapido.com.br / (48) 3251-4122


Problemas com integração

integracao@passerapido.com.br

OBS.: Deverá ser feita uma ocorrência do fato, informando data, número do cartão e nome do usuário pelos telefones (48) 3251-4114 ou (48) 3251-4103.


Manual do Cartão Estudante

  • Documento de Identidade, contendo o número do CPF;

  • Atestado ou credencial de matrícula* ( contendo o número) emitida por instituição educacional reconhecida pelo Ministério da Educação ou pela Secretaria Estadual de educação**;

  • Cópia do Comprovante de residência, atualizado ( fatura de água, luz, telefone ou contrato de locação, expedida nos últimos 3 meses); em nome próprio ou dos pais ou responsáveis, ou declaração do proprietário do imóvel, conforme modelo (clique aqui para baixar);

  • Preencher Declaração os pais ou responsável, no caso aluno de menor, conforme modelo (clique aqui para baixar);

  • No ato de cadastramento, o usuário deverá ainda assinar o Termo de Ciência, referente à pesquisa da utilização do cartão e o bloqueio por uso indevido do mesmo bem como sob as penas da lei, de que o beneficio tarifário será para seu uso pessoal, respondendo pelos desvios verificados na utilização do cartão eletrônico, conforme modelo (clique aqui para baixar o termo para estudantes);

  • É obrigatória a presença do estudante para tirar foto no local;

  • Pagamento de tarifa para o cadastro: R$4,20 para municipal.

* Comprovante de matrícula expedida nos últimos três meses nos casos de Universidades deverá estar dentro do semestre vigente

** Para os cursos profissionalizante no comprovante deverá constar a duração do curso e só terá direito se no mínima de três meses a duração do curso.

O recadastro para Municipal pode ser feito de duas maneiras:

1) Pela internet (www.setuf.com.br), no acesso estudante:

- Selecione tipo ( Municipal);

- Insira o código impresso abaixo do nome do aluno no cartão eletrônico;

- Inserir senha cadastrada pelo aluno (se não tiver, clicar em “Esqueceu sua senha”).

Na sequência o aluno deverá imprimir a confirmação de recadastro, entregar no SETUF junto com o atestado original de matrícula do ano vigente, assinado pela instituição de ensino, para fazer a primeira compra uma semana antes do início das aulas. O serviço tem um custo de R$ 4,20.

2) Entregar no SETUF o atestado original e xerox de matrícula do ano vigente, assinado pela instituição de ensino, para fazer a primeira compra uma semana antes do início das aulas. No xerox deverá ser colocado o código do aluno que está impresso abaixo do nome do aluno no cartão eletrônico e um e-mail para contato. O serviço tem um custo de R$ 4,20.

Para ambos os casos, se o cartão eletrônico estiver funcionando, o aluno deverá ir direto aos caixas de venda de crédito eletrônico, não sendo necessário passar no setor de recadastro. Caso contrário, o aluno deverá ir no setor de pós-venda para fazer uma segunda via do seu cartão.

OBS.:

- Para o sistema Municipal: o recadastro poderá ser feito também nos Terminais de Integração (TICAN, TISAN. TILAG, TITRI E TIRIO ).

- Para recarregar o cartão eletrônico, o aluno deverá sempre comprovar sua frequência apresentando um (1) atestado carimbado e assinado pela instituição de ensino, que tenha a data de emissão inferior a três meses da data atual. / Ex.: considerando a data de hoje como 30/07/2019, o atestado de frequência terá validade até o dia 30/10/2019.

Nos casos de Universidades deverá estar dentro do semestre vigente;

- Valor cobrado para 2ª via de cartão eletrônico (cartão danificado, perdido, extraviado ou roubado): R$ 13,20.

- Estudantes, utilizem o número de telefone (48) 3251-4114 para esclarecimentos sobre cadastro ou recadastro do Cartão Passe Rápido Escolar.

- Este cartão é de uso pessoal e intransferível.

- O Cartão Eletrônico Estudante é recarregável e substitui os passes de papel por créditos que poderão ser comprados no Setuf e nas bilheterias dos terminais de integração.

- Para liberar a catraca, o estudante deve apresentar o Cartão Estudante ao cobrador e depois aproximá-lo do validador (caixa azul ao lado da catraca) para que este faça a leitura e dedução da tarifa da linha.

- A aquisição dos cartões deverá ser feita somente nos postos autorizados para evitar possíveis fraudes.

- O cartão não deve ser plastificado, dobrado ou perfurado, e deve ser protegido da luz solar direta, areia e umidade. Evite o uso clips e o contato com produtos químicos.

- Para emissão de 2º via o cartão deve ser bloqueado no dia anterior. A liberação ocorrerá no dia seguinte, após 12 horas. O bloqueio pode ser feito por telefone (48 3251-4114) ou pelo e-mail bloqueio@setuf.com.br, informando os dados do usuário (nome completo, RG, data de nascimento e tipo de cartão). Valor da taxa para emissão da 2ª via: R$13,20.

- A 2ª via deve ser retirada pelo próprio usuário ou responsável legal (mediante documentos que comprovem a guarda quando for menor de idade ou certidão de casamento se for o caso).

- Para cancelamento, apresentar cópia do RG e o cartão em bom estado. O saldo será liberado no dia seguinte, após 12 horas. Deve ser retirado pelo próprio usuário ou responsável legal (mediante documentos que comprovem a guarda quando for menor de idade ou certidão de casamento se for o caso). Ocorrerá um desconto de 5% sobre o saldo quando o mesmo for estornado em dinheiro. Para transferência de saldo para outro cartão, não haverá desconto.

- O extrato de utilização é permitido somente para o usuário cadastrado ou responsável legal (mediante documentos que comprovem a guarda quando for menor de idade ou certidão de casamento se for o caso). É necessário apresentar RG (original e cópia) junto com o cartão eletrônico. O SETUF disponibilizará um extrato gratuito a cada 30 dias, referente ao uso nos últimos 30 dias corridos. Serviços extras e excedentes (dentro de 30 dias) terão a taxa de R$ 0,50 por folha impressa.

- Para recargas feitas via internet, o cartão deve ser apresentado nos validadores para receberem a recarga após 48 horas úteis do pagamento, é necessário apresentar o cartão nos ônibus ou nos bloqueios dos Terminais de Integração no período de 40 dias para que a recarga não expire. Após este período, o sistema atualizará o saldo do cartão na internet.

- Para todos os tipos de cartão, a primeira via não é cobrada e é fornecida através de comodato.

Para as compras de créditos do Passe Estudante com desconto deverá ser apresentado ao SETUF/Passe Rápido ou nas Bilheterias dos Terminais (TIRIO, TICAN, TISAN, TILAG E TITRI), um dos seguintes documentos:

  • Declaração de freqüência devidamente assinada e carimbada pela instituição de ensino com prazo de validade de até 90 (noventa) dias. Nos casos de Universidades, a emissão da declaração deverá estar dentro do semestre vigente.

  • Carnê ou boleto bancário da instituição de ensino devidamente quitado, referente ao mês vigente.

Manual do Cartão Especial

Para emissão o cartão Passe Rápido Idoso é necessário apresentar o RG original para comprovar a idade mínima de 65 anos, um comprovante válido de residência e realizar o cadastro com foto na sede do Passe Rápido no TICEN.


Para cartões Passe Rápido especiais dos tipos Estudante Social, Social, o primeiro atendimento e renovação é realizado na Secretaria de Assistência Social da Prefeitura de Florianópolis, localizado no box 77 do Mercado Público.


Para cartões de Necessidades Especiais (PCD com ou sem acompanhante), o primeiro atendimento e renovação é ao lado do SETUF na Secretaria de Transportes e Mobilidade Urbana.


Manual do Cartão Passe Rápido Estudante Social, Social e Especial (Portador de Necessidades Especiais - PCD com ou sem acompanhante) - <link para Lei Complementar 604/2017>


O Consórcio aproveita para informar que, conforme o Artigo 6º do Decreto Nº 18.374/2018, que a Prefeitura veta em Florianópolis o acúmulo de benefícios de gratuidades para o sistema de transporte. Desta forma, os cartões identificados por nossa equipe, com comutatividade de benefícios, serão bloqueados e não podem ser cadastrados para 2020 (Art. 6º Fica vedada a cumulação dos Cartões Tarifa Social Especial e Tarifa Social Especial Estudante bem como os demais benefícios previstos no sistema municipal de transporte público). Desta forma, para emissão dos cartões especiais é necessário assinatura do termo de ciência:

Acesso aos termos de ciência:

O atendimento da PMF para a realização da triagem e concessão de benefícios ocorre pelo número +55 (48) 3324-1517.